Abdominoplastia - Fuzaro

Abdominoplastia

Abdominoplastia é a retirada de excesso de pele e plicatura da musculatura abdominal. Remove também as estrias localizadas abaixo do umbigo. Esta cirurgia pode ser associada à Lipoaspiração, que contribui para a definição da silhueta abdominal, cintura e glúteos.

As causas mais comuns para alterações na região abdominal são gravidez, envelhecimento, flutuações de peso significativas e posterior a cirurgia Bariátrica, por exemplo.

 

Indicação

Homens e mulheres com flacidez abdominal, que desejam ter uma barriga lisa e bem tonificada, mas não conseguem através de exercícios e dieta. No entanto, às vezes, mesmo algumas pessoas com peso corporal normal e bem torneadas podem desenvolver um abdômen que se projeta ou é flácido.

 

Como a abdominoplastia é feita?

Primeiramente, cerca de 10 dias antes da cirurgia, o paciente deve interromper o uso de medicamentos para emagrecer e de outras substâncias, de acordo com a orientação médica. Na véspera, é importante evitar a ingestão de bebidas alcoólicas e refeições pesadas.

No dia, o paciente deve fazer jejum de 8h, inclusive de água. Caso esteja com gripe ou apresente outras indisposições, deve avisar a equipe médica até 2 dias antes da cirurgia.

Após anestesia peridural ou geral e assepsia da pele, é feito um corte transversal arqueado acima dos pelos pubianos para remoção do excesso de pele e gordura. Outro corte pequeno pode ser feito na parte interna do umbigo. Durante a operação, os músculos são aproximados e costurados para estreitar a silhueta e deixar o abdômen liso.

Então, são inseridos drenos para evitar o acúmulo de líquidos e é feita a sutura das incisões. Após os curativos, o paciente é vestido com a cinta compressora.

  • corporaiscorporais-+

    Internação

    corporaiscorporais-+

    O paciente deve permanecer no hospital, em média, 24 horas.

  • corporaiscorporais-+

    Pós-operatório

    corporaiscorporais-+

    É possível retornar às atividades de rotina após 15 dias da abdominoplastia. Além disso, o paciente deve utilizar cinta abdominal durante dois meses e fazer sessões de drenagem linfática, que contribuem para redução do edema.

  • corporaiscorporais-+

    Resultado

    corporaiscorporais-+

    Percebe-se melhora logo após a cirurgia, mas com edema localizado. O resultado final pode ser observado em, aproximadamente, 8 meses.

Open chat